quarta-feira, 18 de julho de 2007

Presente

Ando em busca de um presente recebido
Não sei se esqueci em algum lugar,
Também não sei se tomaram de mim.
Só sei que não dei pela falta na mesma hora
Será que foi um descuido?
Ou será que não tem que estar mais comigo?
Já saí à procura...
Em vão!
Cheguei a pensar ter encontrado
Estava ali da mesma forma que quando estava comigo
A alegria tomou conta de mim...
Mas por poucos instantes,
Me enganei!
A caixa era a mesma, mas o interior era diferente
Senti que não devia estar lá
Ao menos que deveria ter ido em busca.
Demorei a perceber o engano
Enquanto isso não parava de pensar
Jogado pelos cantos estava apagando
Fiquei sem brilho, me senti sem poderes...

O tempo foi passando,
Meu brilho voltando
E com minha mente de volta
Percebi que não posso procurar da mesma forma
Não pela caixa, mas pelo que há dentro dela.
Não sei ao menos se devo continuar em busca
Aquele simplesmente apareceu para mim
Continuarei lutando e fazendo por merecer
Quando for a hora receberei,
Se parar de se esconder apenas em minhas lembranças
Quem sabe não seja o mesmo?

Um comentário:

Pildz!! disse...

olha tá fikando bom ein!