terça-feira, 7 de agosto de 2007

Unindo palavras me expresso para poucos,
De nada adianta o dicionário,
Raras pessoas podem realmente sentir,
Por puro desconhecimento,
Ou por se esconder.

Sentimentos extravasados por palavras,
Às vezes mal escolhidas,
Não importa...
Quem pode sentir irá entender,
Terá seus olhos cheios de lágrimas,
Simultaneamente o sorriso irá aflorar.

Continuo escrevendo,
Tendo a certeza de que por alguns instantes atinjo meu objetivo,
Tirando você de sua cadeira,
Do seu mundo...
Trago-lhe para o meu,
Mostrando o que se passa,
Pode não aceitar agora,
Mas quando puder me entender,
Contenha as lágrimas,
Você preferiu assim.

2 comentários:

Baby Rainho disse...

Uau... Eu nao entendo mto de poesia... mas parece bem intenso viu...

Tô quase me inspirando a criar um blog rs...

Passando para dizer que te adoro mto...

beijos lindinhow....

Pildz!! disse...

Kra!!
Infelizmente a inveja e a incapacidade que as pessoas tem de serem boas sempre resultam nelas tentarem denegrir a imagem alheia, ofender, atacar...

Quando elas pararem para se avaliar, vendo a total insignificancia de si mesmo, já será tarde...

Mas meu de boa... ce se livro de um castigo...

Abração...