terça-feira, 4 de setembro de 2007

Debaixo do meu travesseiro,
Uma carta me aguardava,
Assinada pelas estrelas,
Com letras miúdas,
Palavras aparentemente desordenadas,
E desenhos feitos a mão,
Parecia ser um guia.

Uma professora foi indicada,
Para que eu pudesse decifrar,
Chamada de Vida,
Ela poderia me ajudar.
Um profeta auxiliaria,
Chamado de Tempo,
Daria mais algumas dicas.
Necessitava antes de mais nada,
Localizar uma tal de Sabedoria,
Mas para alcançá-la,
O profeta disse que só com ajuda da Paciência.

Todas essas pessoas,
Dispostas a ajudar,
Me chamaram a atenção muitas vezes,
Quando perdi a direção,
E mudei o rumo espontaneamente.
Nunca deixaram atender a porta,
Parece que era uma velha bruxa chamado Desistência.

Juntos, pudemos decifrar,
Algumas linhas dessa carta,
Já sei que foi você quem a enviou,
Resta ainda decifrar,
O que falta fazer,
Para você poder me encontrar.

2 comentários:

Pildz!! disse...

Olha muito bom, tem até enredo!
=))

Baby Rainho disse...

Olhaaa esse q bunitinho
Esse eu gostei mais...
Pq rima e talz hahaha

Adoro vc lindinhow
continua skrevendo
um dia ...vou ser sua agente e publicar tudo haha

bjz